Ir à lista de artigos
30/05/21Esports

Masters: Sentinels faz campanha perfeita e é campeã de forma invicta

Compartilhar:

A Sentinels é a grande campeã do VALORANT Masters de Reykjavik, na Islândia. A equipe que chegou invicta para a final bateu a Fnatic por 3-0 em jogos apertados e confirmou o título. Na primeira LAN internacional de VALORANT, uma campanha irretocável dos norte-americanos: foram 9 mapas disputados e nove vitórias, um verdadeiro domínio.

Apesar do placar, a final foi extremamente disputada, com prorrogações nos dois primeiros mapas e uma vitória por apenas dois pontos de vantagem no mapa decisivo. O MVP não poderia ser outro: o duelista Tyson "TenZ" confirmou as expectativas e foi o melhor jogador do Masters.

Confira como foi a grande Final do Masters de Reykjavík:

Sentinels 3 - 0 Fnatic

Mapa 1: Split

Vitória da Sentinels (14-12) 



A Sentinels mostrou porque a Split é um mapa tão amado na América do Norte. No mapa mais defensivo da rotação, a equipe de TenZ (Raze) não se intimidou e abriu rapidamente 5-1 no placar, mostrando que estavam preparados para a partida. A vitória parcial por 7-5 na primeira metade e a confirmação do pistol e armados na troca de lados parecia encaminhar o mapa para a SEN, mas a Fnatic acordou, Magnum (Cypher) queria jogo e a equipe fez um lado atacante irretocável para levar para a prorrogação. No OT, a Sentinels fez duas leituras perfeitas e com a superioridade numérica apenas sufocou a Fnatic para fechar o mapa.

Mapa 2: Bind

Vitória da Sentinels (16-14)



Na Bind, ainda mais equilíbrio. Desta vez a Fnatic quem ditava o ritmo de jogo e mostrava que venderia caro o título do Masters. A equipe europeia começou atacando e a responsabilidade ficou por conta do capitão Boaster (Brimstone), que conseguiu 5 primeiros abates e ajudou a construir o placar. Na segunda metade, a reação da Sentinels veio: a equipe acelerou muito o jogo e a FNC não conseguiu responder à altura. Mesmo tomando a virada e vendo o jogo escapar das mãos, Derke (Sova) e Mistic (Viper) apareceram para levar para o OT. Depois de três prorrogações, ShahZaM (Sova) brilhou com um triple kill para colocar o 2-0 na série.

Mapa 3: Haven

Vitória da Sentinels (13-11)



No melhor mapa da Sentinels, a Fnatic mais uma vez levou o pistol e começou o mapa com o pé direito. O problema foi que os europeus não conseguiram manter a performance defensiva e não responderam a praticamente nada do que ShahZaM (Sova) e seus jogadores tentavam. Com os pontos dominados, a SEN seguia esperta com os avanços nas costas e tornavam os retakes praticamente impossíveis, abrindo 9-3 na primeira metade. Na segunda metade, era tudo ou nada para a Fnatic e a equipe encaixou uma sequência de 6-0 para empatar a partida. A virada parecia questão de tempo, só faltou combinar com o dapr (Cypher). O sentinela tirou um retake da cartola para ficar 10-9. No round seguinte, SicK (Phoenix) anotou um 4k. A Fnatic até reagiu em busca de mais um OT, mas um ataque confuso na C decretou o fim da partida e o título da Sentinels.

Pontos de Circuito

O Masters de Reykjavík encerra a Segunda Etapa do VALORANT Champions Tour. Agora restam apenas a Etapa 3 e o Last Chance Qualifier para as equipes que sonham com uma vaga no VALORANT Champions, em dezembro. Confira quantos Pontos de Circuito cada equipe somou na Islândia.

1º - Sentinels - 400 Pontos
2º - Fnatic - 350 Pontos
3º - NUTURN - 300 Pontos
4º - Team Liquid - 250 Pontos
5-6º - Version1 e Team Vikings - 200 Pontos
7-8º - X10 e KRU Esports - 175 Pontos
9-10º - Crazy Raccoon e YNG Sharks - 150 Pontos

0